Map of the excavations carried out near Rua de S. Mamede under the Castle in the City of Lisbon

 

Watercolour on paper

1798

Dimensions: 1140 X 1800 mm

MC.DES.12

Teatro Romano

Desenho das escavações realizadas na rua de S. Mamede em 1798, cujo título se vê ao centro. No canto inferior direito encontra-se a assinatura do arquitecto Francisco Xavier Fabri, que acompanhou os trabalhos de reconstrução da cidade na zona onde veio a ser encontrado o teatro romano.

Durante muito tempo Francisco Xavier Fabri foi tido como o “descobridor” do teatro romano. No entanto, documentos que se encontram na Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro (Coleção Portugal), permitem hoje afirmar que terá sido Manuel Caetano de Sousa, também arquiteto da Casa Real, o verdadeiro pioneiro da descoberta do monumento. Indiscutível é o facto deste desenho datado de 1798 ser da sua autoria. 

O desenho representa em planta e alçado, as ruínas do teatro. Na parte superior visualiza-se em alçado o proscaenium e, por cima, monturos de terra e múltiplos elementos arquitetónicos, indicando que a parte correspondente ao pulpitum e frons scaenae não se encontrariam, em 1798, ainda desaterrados. O frons pulpitum encontra-se representado com os respetivos nichos, semicirculares e retangulares e localizando-se, num deles, uma das estátuas de sileno.

Por baixo desta parte, encontram-se representadas, em planta, aquelas mesmas estruturas, sendo percetível a articulação dos vários nichos e indicando-se, tal como no registo superior, a inscrição que corria ao longo destas pedras e que nos documenta que esta obra foi mandada fazer em honra do Imperador Nero.

Na parte inferior, desenhos pormenorizados de alguns elementos arquitetónicos (várias cornijas e pedras molduradas, uma pedra com epígrafe (entretanto desaparecida) e um conjunto de pedras e de fustes canelados).

Primeiro levantamento do teatro romano na altura da sua descoberta, o rigor, o pormenor do registo, o carácter técnico do desenho para além da beleza do traço, constituem, ainda hoje, um manancial pleno de informação.

Uma cópia encontra-se em exposição no Museu de Lisboa – Teatro Romano.