Plate (fragment)

 

1st century AD

Clay

Dimensions: Ø outer rim: 718 mm

Origin: Roman Theatre, Lisbon. From 2005 archaeological dig (patio area)

TRL/05/2267

Teatro Romano

Fragmento de prato em vermelho pompeiano, enquadrado tipologicamente na forma 6 de Aguarod. Esta forma foi unicamente produzida na Campânia, a partir da época de Augusto, e perdurou até ao final das produções campanas, na última metade do século I d.C. Foi amplamente difundida pelo império, estando presente em vários locais da Península Ibérica, Itália, Norte de África, Gália, Suiça, Áustria, limes germânico, Britânia, Grécia e Chipre.

Este exemplar foi um dos muitos fragmentos de cerâmica de engobe vermelho pompeiano que se exumou ao longo das últimas campanhas de escavação arqueológica no Teatro. O conjunto total é composto por sessenta e duas peças, tratando-se, na maioria, de pequenos fragmentos, ainda que alguns de perfil completo. No nosso país, a forma 6 de Aguarod foi também identificada em Conímbriga, em Coimbra, em Santarém e em Alcácer do Sal.

Na generalidade, as cerâmicas de engobe vermelho pompeiano correspondem a formas baixas, pratos, na sua grande maioria de amplo diâmetro, com a superfície interna revestida com um espesso engobe vermelho e exterior simplesmente alisado. É uma cerâmica destinada à utilização na cozinha, na preparação e confeção de alimentos, podendo igualmente ter sido empregue no serviço de mesa para conter ou servir alimentos sólidos.