O SANTO FAZ ANOS!
14 Ago 2017 a 15 Ago 2017

No dia 15 de agosto celebra-se o feriado da Assunção de Nossa Senhora, mas em Lisboa assinala-se também o dia que a tradição considera ser o do nascimento do seu santo mais popular. A coincidência da data reforça a grande devoção de Santo António a Nossa Senhora, manifestada desde muito cedo pelo santo lisboeta.

 

Para celebrar o aniversário do Santo, 826 anos depois,e no mesmo local onde o Santo nasceu, o Museu de Lisboa - Santo António convida para: 

 

14 DE AGOSTO

21h30 – Exibição do documentário realizado por Gonçalo Cadilhe "Nos Passos de Santo António", ao ar livre, no Largo de Santo António, lugar onde nasceu o Santo. 

Documentário legendado em inglês. 

Entrada livre, sujeita à lotação

 

15 DE AGOSTO

20h – Concerto de Carminho na Igreja de Santo António 

Entrada livre, sujeita à lotação

 

VISITAS ORIENTADAS

14 e 15 DE AGOSTO

11h30 –  O Santo de Lisboa - A vida de Santo António

15h – As Profissões Medievais 

 

Entrada 3€. É necessária marcação: servicoeducativo@museudelisboa.pt

 

Santo António morreu em Arcela, próximo de Pádua, a 13 de junho de 1231, com fama de santidade. Os pedidos para que seja considerado santo iniciam-se imediatamente após a sua morte, tornando-se necessário reunir informações sobre a sua vida para a criação da biografia que acompanhará o processo de beatificação.

Para isso, foram recolhidos elementos junto de quem conhecera e convivera com frei António, bem como entre religiosos portugueses, que forneceram informações essenciais e que figurarão em todas as biografias que a partir daí foram sendo divulgadas. Ficou assim instituído que Santo António nasceu em Lisboa, no ano de 1195, numa casa frente à Sé, onde foi batizado com o nome de Fernando. A sua história irá sempre referir a importância de Lisboa onde viveu cerca de 20 anos. Foi Menino do Coro na Sé e continuou a sua formação intelectual em S. Vicente de Fora, junto dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho. Passará 10 anos em Coimbra, onde continuará os seus estudos no Mosteiro de Santa Cruz e onde conhecerá os franciscanos de quem toma o hábito e a radicalidade da Ordem. Muda o nome para António e muda de vida, tornando-se missionário em Marrocos. Irá mudar novamente de vida em Itália e no sul de França, ao revelar a sua eloquência e conhecimento das Escrituras, tornando-se num dos principais defensores da fé católica.

Uma tradição tardia do século XVII vai estabelecer o dia 15 de agosto, dia da Assunção de Nossa Senhora, como o dia do seu nascimento. A coincidência da data reforça a grande devoção de Santo António à mãe de Jesus manifestada desde muito cedo pelo santo lisboeta. Mas é sobretudo um marco simbólico de grande pertinência para que em Lisboa se celebre esta data, comemorando a perseverança de uma população que nunca deixou esquecer a proveniência de tão ilustre Santo seu conterrâneo.

 

Pedro Teotónio Pereira

Coordenador do Museu de Lisboa – Santo António

 

In Mensageiro de Santo António, julho/agosto 017