Aguadeiro

1903

Tinta-da-china s/ papel

Dimensões: 230 X 310 mm

MC.DES.1818.183

Palácio Pimenta

Desenho de aguadeiro transportando um barril às costas, inserido no álbum Originaes dos desenhos da obra “Lisboa”, de Alfredo Mesquita. Editada em 1903 e executada sob a direcção de Alfredo Roque Gameiro, contou com a colaboração de Alberto de Sousa, António Ferreira Quaresma, António Santos Silva (Alonso), Francisco Voigt, Francisco Xara, José Affonso Vieira, Manoel Gameiro e Vicente Baldaque da Silva Ardisson.

Os aguadeiros são, no séc. XIX, uma das figuras típicas de Lisboa. Maioritariamente de origem galega, oriundos de Tui e Pontevedra, iam buscar água aos chafarizes, que depois apregoavam pelas ruas. Com a captação das águas do Alviela e a fundação da Companhia das Águas de Lisboa em 1868, o número de aguadeiros na cidade foi diminuindo, até desaparecerem por completo.