O Museu de Lisboa é um museu polinucleado no qual Lisboa e as suas histórias se revelam sob diferentes perspetivas. São cinco os núcleos do Museu de Lisboa: Palácio Pimenta, Teatro Romano, Santo António, Torreão Poente e Casa dos Bicos. Cinco espaços distintos, com valências e objetivos complementares, que partilham uma missão, uma identidade e uma nova imagem. O propósito é o de revelar Lisboa de diferentes formas, para dar a conhecer a riqueza de uma das cidades mais antigas da Europa.

Para além do Teatro, um outro monumento romano é gerido pelo Museu de Lisboa: as Galerias Romanas da Rua da Prata, descobertas no subsolo da Baixa de Lisboa, em 1771, na sequência do Terramoto de 1755. Abrem ao público duas vezes por ano.

Para preparar a visita ao Museu de Lisboa já é possível comprar os bilhetes online para a entrada no Palácio Pimenta, Santo António e Teatro Romano

Para garantir a segurança tanto dos visitantes como da equipa, o Museu de Lisboa implementou um conjunto de medidas que passa pelo uso obrigatório de máscara dentro dos edifícios, limitação do número máximo de visitantes, com a entrada de grupos com mais de cinco pessoas a ser faseada e as atividades educativas a terem um limite máximo de oito participantes, devendo ser respeitada uma distância de segurança de 2 metros entre visitantes.

NOVOS HORÁRIOS

Face ao contexto atual de aumento de incidência de contágio e de propagação da COVID-19, a EGEAC decidiu reduzir os horários de alguns dos seus equipamentos culturais.
A partir de dia 4 de novembro, o Museu de Lisboa passará a estar aberto ao público no seguinte horário:

Palácio Pimenta, Teatro Romano, Santo António
ter - sex: 11h -17h | Sáb - dom: 10h - 12h

Casa dos Bicos
seg - sex: 11h - 17h | Sáb: 10h - 12h
 
Todos os núcleos estarão encerrados nos dias: 
30 nov, 1, 7, 8, 24, 25 e 31 de dezembro e 1 de janeiro

Estátua de Sileno

Terreiro do Paço no século XVII

Santo António livrando o pai da forca